top of page
focosmais-header-blog.png

Assine nossa newsletter!

Pronto, você está cadastrado(a) na nossa Newsletter

Rotinas do Departamento Financeiro. Sua empresa realiza todas elas?



Artigo produzido por Luísa Andreia Nascimento Leite.

Você sabe a importância do departamento financeiro para sua empresa? As principais atividades? Não? Continua conosco que iremos lhe dizer. Você já deve ter ouvido por aí que “O cérebro de uma empresa é o setor financeiro”, mas sabe porque dizem isso? A partir do setor financeiro são feitos todos os investimentos e controle de faturamento de seu negócio.


Não importa o tamanho da sua empresa, de pequeno ao grande porte, ela precisará de um setor financeiro organizado e capacitado. Sem uma rotina bem estabelecida para o setor financeiro, todas as áreas da empresa podem ser prejudicadas. Em pequenas e microempresas, o proprietário geralmente é responsável pelas funções do setor financeiro, mas essa decisão pode ser arriscada.


O acompanhamento próximo e contínuo de todas as atividades e dados financeiros da empresa é essencial e, quando os profissionais acumulam funções, podem faltar informações detalhadas sobre temas como fluxo de caixa, o que pode colocar em risco a situação financeira da empresa.

Em empresas de grande e médio porte, geralmente há uma região responsável pelas tarefas do setor financeiro. Devido à sua importância, esses profissionais costumam se reportar diretamente ao proprietário ou CEO da empresa.



A importância do setor financeiro:

O principal objetivo do setor financeiro é encontrar soluções para captação de recursos e para aplicação de recursos, evitar gastos desnecessários e administrar as finanças da melhor maneira. Para trabalhar neste setor uma das exigências é que o profissional seja focado e organizado, de modo a não deixar nada escapar de sua observação.

Mais do que isso, os novos empresários buscam também inovações no setor financeiro, buscando também métodos que permitam simular diversas situações e seus resultados, para evitar prejuízos e perdas relevantes.

Já percebemos que a área financeira deve possuir um espaço fundamental nas suas análises e planos de ação.



Quais as principais rotinas de um setor financeiro?

As rotinas do setor variam desde atividades diárias até as que geram uma maior prioridade.

Tudo que envolve finanças é responsabilidade do financeiro. Certo. Mas o que, especificamente, é papel do departamento financeiro dentro de uma empresa? Bem, vamos lá!


1. Gestão de contas a pagar e receber

A gestão de contas a pagar controla os pagamentos que as empresas devem efetuar aos funcionários, impostos, fornecedores, etc., para evitar o esquecimento de realizar pagamentos, gerando multas ou outras sanções por atrasos.

Já a gestão de contas a receber controla os créditos a receber e verifica se os clientes da empresa pagaram em dia suas obrigações, garantindo assim um fluxo de caixa saudável e contabilizando todos os valores esperados em um determinado período.


2. Contabilidade

Relacionado às variáveis ​​patrimoniais da empresa, a contabilidade é destacada por ser a responsável por: registrar, organizar, demonstrar, analisar e etc. Tudo em virtude da atividade econômica ou social que a empresa exerce no contexto econômico.

Ou seja, controla ativos da empresa como estoque, equipamentos, dinheiro, imóveis, móveis e etc., e os seus ativos, bem como dívidas e contas que ainda não venceram.

Baseia-se na relação entre ativos e passivos para realizar cálculos contábeis que podem confirmar se uma empresa é lucrativa. E, por isso, seus registros são extremamente importantes para os gestores da empresa, pois, desde que haja recursos envolvidos, eles podem fornecer dados confiáveis ​​para a tomada de decisões.



3. Planejamento

Sabemos que essa parte, é a chave do sucesso de qualquer negócio, e não é exagero. Um negócio se torna sustentável e lucrativo quando suas finanças são bem planejadas, em curto e longo prazo. Não basta somente ter uma gestão excelente se você não define aonde quer chegar.

É necessário que toda empresa tenha um planejamento financeiro que contenha a margem de lucro, de reinvestimento presente e futuro. E, sobretudo, que possua um plano de ação.


Dicas de mestre: Faça um diagnóstico completo da empresa, com metas em curto e longo prazo, projeções financeiras e definição de orçamentos.


4. Gestão de riscos e impostos

Para muitas empresas, essa é uma atividade da contabilidade. Entretanto, a gestão deve estar a par com a situação dos impostos e sobre o cumprimento das obrigações tributárias.

Quando não existe uma área fiscal própria ou terceirizada, a gestão de impostos é responsável pelo cálculo dos impostos que devem ser pagos pela empresa e pelo cumprimento das exigências tributárias.

É responsabilidade também da gestão dos impostos, com o auxílio do jurídico quando necessário, identificar o regime tributário que seja mais favorável para a empresa, evitando assim o pagamento de impostos indevidos.


Dicas de mestre: Mantenha sempre o pagamento dos impostos em dia, sabia que em alguns deles você pode pagar até 20% de multa? Sem contar com os juros.

Podendo também perder desconto em alguns impostos como por exemplo o ICMS.


Já a gestão de riscos, tem a responsabilidade de gerenciar e controlar uma organização em relação às possíveis ameaças, seja qual for a sua manifestação. Esta rotina implica no planejamento e uso dos recursos humanos e materiais para minimizar os riscos ou, então, tratá-los.

Trata-se de uma série de processos específicos com o objetivo de fazer com que a empresa não seja prejudicada pelos riscos apontados, os quais apresentam diferentes impactos e probabilidades de acontecer. Lembrando que os riscos em uma empresa não são só financeiros.


5. Auditoria

Responsável pelo processo de análise da organização, a auditoria é essencial para averiguar se tudo está dentro do que foi estabelecido e planejado.

Revisando e avaliando as finanças, isso é fundamental para que o setor financeiro se mostre organizado e transparente, proporcionando credibilidade aos relatórios financeiros, facilitando a captação de investidores, bem como ajudando os gestores a evitar imprevistos indesejados.



E aí, você sabia que essas são algumas das diversas atividades de um setor financeiro?

Pois bem, agora sabe! Qualquer dúvida e/ou sugestão, deixe nos campos dos comentários e se este tópico lhe foi útil, clique no coraçãozinho e compartilhe.


Alguns tópicos que também podem ser de seu interesse:




Nos acompanhe também nas mídias sociais:





131 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Commenti


categorias:

recentes:

notícias:

dúvidas?

bottom of page