Como contratar um estagiário?

Artigo desenvolvido por Gisele Melo.

Vivemos na era da informação, onde as atualizações são constantes e as empresas precisam se adaptar constantemente. Muitas organizações veem os programas de estágio como uma oportunidade de selecionar, recrutar e capacitar novas mentes, que chegam fresquinhas, prontas para contribuir com o processo de adaptação e crescimento da empresa. Contratar um estagiário é uma excelente chance para descobrir novos talentos!

Quer saber como contratar um estagiário? Segue a leitura que a gente te conta!


O que é estágio?



Conforme dispõe o art. 1º da Lei 11.788, de 25 de setembro de 2008, estágio é “o ato educativo escolar supervisionado, desenvolvido no ambiente de trabalho, que visa à preparação para o trabalho produtivo do estudante", ou seja, o estágio é um programa cujo objetivo é ensinar na prática o que os estudantes aprendem dentro da sala de aula.

Ainda segundo a lei 11.788/08, em seu art. 2º, pode-se extrair que “ o estágio visa ao aprendizado de competências próprias da atividade profissional e à contextualização curricular, objetivando o desenvolvimento do educando para a vida cidadã e para o trabalho”.

A partir desses conceitos, devemos ressaltar que o estagiário não é a mesma coisa que jovem aprendiz, já que:


Estagiário:

  1. Regulamentado pela lei 11.788/08;

  2. Não tem obrigatoriedade de registro na CTPS;

  3. É voltado para a capacitação profissional;e

  4. É necessário ser maior do que 16 anos.

Jovem Aprendiz:

  1. Regulamentado pela Lei 10.09/00;

  2. Tem a obrigatoriedade de registro na CTPS;

  3. Não é necessariamente voltado para a capacitação profissional; e

  4. É necessário ser maior que 14 anos e menos que 24 anos.


Visto as informações acima, podemos afirmar que o jovem aprendiz é um celetista, e o estagiário um colaborador sem vínculo empregatício com a empresa, sendo a relação de estágio registrada por um termo de compromisso.


Tipos de estágio


Existem dois tipos de estágio, são eles:


1. Estágio Obrigatório:

Este é, basicamente, uma disciplina dedicada ao desenvolvimento da atividade, imprescindível para a conclusão do curso. Nessa modalidade é facultativo para a empresa concedente fornecer a bolsa auxílio e o transporte.

2. Estágio não-obrigatório:

Este é optativo! O aluno tem a liberdade de exercer as atividades além da carga horária prevista na matriz curricular do seu curso. Neste caso é obrigatório que a empresa ofereça no mínimo bolsa auxílio e o vale transporte.

Se liga: Os estágios obrigatórios têm a durabilidade prevista na matriz curricular do curso, enquanto o estágio não-obrigatório pode durar de 04 a 24 meses.


Quem pode ser estagiário?



Para ocupar o cargo de estagiário é necessário que o candidato preencha os seguintes requisitos:

  1. Ser maior de 16 anos

  2. Possuir CPF e RG

  3. Estar devidamente matriculado e estar frequentando um curso de ensino médio, superior, técnico, profissionalizantes ou último ano do ensino fundamental, na modalidade profissional da educação de jovens e adultos ✓ ( para mais informações acesse a lei n° 11.788/08)



Como contratar um estagiário?



Agora que conhecemos os conceitos e requisitos que envolvem a relação trabalhista entre Concedente e Estagiário, vamos, enfim, partir para a parte burocrática. Para recrutar o estagiário, a empresa concedente pode realizar um processo seletivo por conta própria ou com a ajuda de um agente de integração público ou privado.

Agente de Integração: Empresas que oferecem vagas de estágio, intermediando o Estagiário com a Parte Concedente.

Após recrutar e selecionar, a empresa concedente ou o agente de integração deverá recolher os documentos necessários para o cadastro do candidato no sistema e para elaborar o contrato de estágio.

Fique atento, é importante elaborar devidamente o termo estágio, deixe claro a carga horária, o valor da bolsa auxílio e os outros benefícios (se houver), além do prazo de duração do estágio. Este termo de compromisso deverá ser assinado pela IES (Instituição de Ensino), pela Empresa (Parte Concedente) e pelo Estudante (se menor de 18 anos, o termo deverá ser assinado, também, pelo responsável legal do estudante)

É importante se atentar também, na hora de definir a carga horária, que conforme o Art. 10 “a jornada do estagiário deverá estar equilibrada com a jornada da IES (instituição de ensino) e não poderá ultrapassar”:

I – 4 (quatro) horas diárias e 20 (vinte) horas semanais, no caso de estudantes de educação especial e dos anos finais do ensino fundamental, na modalidade profissional de educação de jovens e adultos;

II – 6 (seis) horas diárias e 30 (trinta) horas semanais, no caso de estudantes do ensino superior, da educação profissional de nível” (Art. 10, lei n 11.788/08).

Além disto, o estágio deverá ser acompanhado por um orientador da IES e por um supervisor da empresa. Este deverá elaborar um relatório de desempenho do estagiário e encaminhá-lo à instituição de ensino com periodicidade de, no mínimo, 6 meses.


Também é responsabilidade da Empresa Concedente fornecer ao estagiário um seguro acidente pessoal, no qual a apólice esteja em conformidade com o valor de mercado. Outro direito que o estagiário possui são 30 dias de férias, quando o vínculo completar 1 ano, sendo preferencialmente gozadas no mesmo período das férias estudantis.


Para finalizar, veja a seguir a orientação do Art. 17 da lei 11.788/08, que vincula a quantidade máxima de estagiários a quantidade de funcionários do quadro pessoal da empresa:



Dica de Mestre: O limite de estagiários para a quantidade de funcionários, não se aplica se for estágio de nível superior e de nível médio profissional.


Está vendo como a Focosmais te explica tudinho? Para mais informações não hesite em entrar em contato com nossos especialistas. Para ter acesso a íntegra da Lei do Estágio, nº 11.788/08, clique aqui.


Qualquer dúvida e/ou sugestão, deixe nos campos dos comentários e se este tópico lhe foi útil, clique no coraçãozinho e compartilhe para que mais pessoas entendam mais sobre contratação de estagiário.


Alguns tópicos que também podem ser de seu interesse:



Nos acompanhe também nas mídias sociais: