top of page
focosmais-header-blog.png

Assine nossa newsletter!

Pronto, você está cadastrado(a) na nossa Newsletter

Vendas a prazo vale a pena?



Artigo produzido por Jéssica Silva.

No momento de empreender surgem algumas dúvidas, dentre elas, se as vendas a prazo valem a pena mesmo. Neste artigo, iremos sanar todas as suas dúvidas sobre este tipo de questionamento. Podemos adiantar que sim, vale a pena a venda a prazo, tanto para o empreendedor, quanto para o cliente.


Diante do cenário econômico que vivemos, os consumidores utilizam bastante o uso do cartão de crédito para poder realizar suas compras. A partir do momento que o estabelecimento não oferta as vendas a prazo, somente à vista, muitos desses consumidores, deletam o estabelecimento das suas opções de compras, já que não podem adquirir o produto comprando à vista.


Então, as vendas a prazo acabam sendo uma ótima alternativa para os empreendimentos, mas é necessário se preparar financeiramente, visto que quando ocorrem as vendas parceladas, a empresa pode receber esse valor de forma parcelada também, mas existe também a possibilidade de vender parcelado e receber como se fosse uma venda à vista.


Como funciona uma venda a prazo?

Já adiantamos acima como ocorrem as vendas a prazo. O empreendedor precisa conhecer como são as vendas a prazo, para não prejudicar o seu negócio. A empresa pode adquirir uma maquineta de cartão de crédito, associada com convênios junto com instituições bancárias para poder obter o retorno desses parcelamentos, e assim os clientes podem parcelar suas compras e a empresa terá a segurança de que vai obter o retorno destes pagamentos.


Existe também a possibilidade de carnês ou boletos, que serão emitidos todos os meses, de acordo com o vencimento acordado entre o consumidor e vendedor. Porém o risco neste tipo de forma de pagamento é maior, pois não há uma intermediação junto com uma instituição financeira, como é o caso do cartão de crédito.


Vantagens da venda a prazo:

Muitos consumidores só podem comprar um determinado produto ou serviço por meio do cartão de crédito, aqueles empreendimentos que dispõe desta possibilidade, acaba tendo mais chances de vender seus produtos/serviços e fidelizar os consumidores.


No caso do carnê, quando o cliente vai ao estabelecimento efetuar os pagamentos, acaba vendo novos produtos e compram novamente.



Quando devo pagar os impostos na venda a prazo:

Com relação a tributação não haverá diferença, mas levando em consideração a data de pagamento do imposto teremos as seguintes situações:

Caso a empresa seja do Simples Nacional ou do Lucro Presumido e optante pelo regime de caixa, neste caso, vai ser tributada de acordo com o recebimento das parcelas. Por exemplo, vendeu um produto em março no valor R$600,00, porém foi parcelado em 2X, como mencionado acima o cálculo do tributo seria R$ 300,00 em abril e R$ 300,00 em maio. Mas se a empresa for Simples Nacional ou do Lucro Presumido e optante pelo regime de competência a tributação irá ocorrer no ato da venda, em uma única vez. Para a empresa do Lucro Real o cálculo da tributação será também no ato da venda, independente do recebimento. Vale lembrar que apenas as empresas optantes pelo Simples Nacional ou Lucro Presumido podem escolher a tributação pelo regime de caixa ou pelo regime de competência.


Dicas para empresas que vendem a prazo:

  1. Controle financeiro organizado – Ter um controle financeiro bem detalhado e bem organizado é importante para quem vende a prazo, para ter a possibilidade de fazer um fundo de reserva para a empresa.

  2. Definição das formas de parcelamento – No momento que a empresa decide vender a prazo é importante que decida se será possível em 02, 04, 06 ou até mesmo 12X a forma de parcelamento, para verificar como vai ficar a questão da taxa de juros que a máquina incide sobre os parcelamentos e se planejar, se os juros serão repassados para o consumidor ou se a empresa irá arcar, sendo necessária essa definição para o empreendedor poder planejar o financeiro da empresa.


Sendo assim, compreendemos até aqui como funcionam as vendas a prazo quando o estabelecimento decide estabelecer formas de pagamentos e que sim ela vale a pena, desde que a empresa se organize para não ter prejuízos.


Alguns tópicos que também podem ser de seu interesse:




Nos acompanhe também nas mídias sociais:



12 visualizações0 comentário

Posts Relacionados

Ver tudo

Comments


categorias:

recentes:

notícias:

dúvidas?

bottom of page